Quarto de hotel com travesseiros

1883

The Coffee Experience

 
Café filtrado

The Concept

THE COFFEE EXPERIENCE

O Palácio do Visconde – The Coffee Experience tem lugar em dois palacetes
do séc. XIX que estão a ser cuidadosamente restaurados para lá se desenrolar uma viagem sensorial pela história e arte do café artesanal, da fábrica à
chávena, passando pela almofada.

É nesta envolvência histórica que se quer proporcionar a quem nos visita uma
experiência verdadeiramente pitoresca na qual todos se sintam convidados do
próprio “Visconde do Café”, senhor dos palacetes, numa viagem no tempo à
Lisboa burguesa do séc. XIX, onde a indústria de café fervilhava e a vida
cultural se desenrolava nos salões nobres sob o seu aroma.

Quer venha dormir, quer venha fazer uma visita guiada ao quarteirão, poderá deliciar-se com o nosso café acabado de torrar.

 

Temos a certeza que esta será uma experiência inesquecível.

IMG_20200627_144220_411.jpg
 

1/1

Suite da Viscondessa*

 
Senhora dos palacetes, é dela a primeira suite. 
Irreverente mas feminina, esta suite condiz com a sua época que dita a emancipação da mulher, o fim do neoclassicismo e o início da art-neveau. 
 
As novas modas de Paris estão espelhadas nos elementos da suite mais icónica de toda a propriedade.
  • Palácio Maria da Fonte
  • King Bed
  • Banheira
  • Vista jardim
  • Varanda

1/2

Suite do Visconde*

 

A ler o jornal aquecido pelas chamas da lareira, é na sua poltrona que o Visconde fuma o seu cachimbo e toma o seu café.

Sendo um homem de elevada distinção, prepare-se para dormir na suite mais nobre de toda a propriedade.

  • Palácio Maria da Fonte

  • King Bed

  • Vista jardim

  • Vista Elétrico 28

  • Varanda

1/1

Suite Rei D. Carlos*

 

Pasme-se! O nosso Visconde era íntimo do Rei D. Carlos e era sabido que frequentavam juntos as caçadas nas planícies alentejanas de onde o primeiro era natural.

Uma suite clássica de tectos trabalhados e varandas largas era uma ode obrigatória àquele que o Visconde chama de seu Rei e seu amigo.

  • Palácio Maria da Fonte

  • (Literalmente) King Bed

  • Acessível para pessoas com mobilidade reduzida

  • Vista Elétrico 28

  • Varanda

1/1

Suite Rainha

D. Amélia*

 

Uma suite feminina, clássica e muito privada, condizente com o gosto requintado da nossa Rainha D. Amélia a quem os tons pastel remetem para o seu Palácio da Pena.

Prepare-se para dormir no quarto mais clássico da propriedade.

  • Palácio Maria da Fonte

  • King Bed

  • Tecto neoclássico em gesso

  • Walk-in closet

  • Vista cidade

1/1

Suite do Infante*

 

De gosto simples mas apurado, a suite do Infante oferece um quarto clássico, confortável e acolhedor com uma varanda que permite acenar ao Elétrico 28.

Quem não quereria ser infante por um dia?

  • Palácio Maria da Fonte

  • Double Bed

  • Tetos art-neveau em gesso

  • Vista Elétrico 28

  • Varanda

1/2

Suite do Fidalgo Burguês

 

 

Casou com a Donzela, filha do Visconde, e consta que é um galante fidalgo burguês de bigode aprumado e caneta Parker no bolso do fraque.

Com o fim da Monarquia foi obrigado a arranjar meio de subsidiar os seus gostos caros, pelo que impulsionou a sociedade que deu origem à Fábrica Negrita em 1923 nas cocheiras dos palacetes.

O café estava na moda e ele também!

  • Palácio Maria Andrade

  • Double/Twin Bed

  • Banheira

  • Vista jardim

  • Varanda

1/1

Suite Donzela

 

 

O quarto mais solarengo do Palácio Maria Andrade estava reservado para a filha herdeira dos Viscondes, a nossa Donzela sonhadora de gosto romântico e feminino.

Presenteado com um arco de madeira e três janelas que trazem a luz do sul, esta suite  tem ainda uma varanda onde se vê passar o Elétrico 28.

  • Palácio Maria Andrade

  • Queen Bed

  • Arco de madeira esculpido original do séc. XIX

  • Vista Eléctrico 28

  • Varanda

1/1

Suite Negrita

Consta que numa das suas expedições a África para seleccionar o melhor grão de café, o Fidalgo Burguês se encantou pela beleza da mulher africana (ou quiçá, pela beleza de uma mulher africana, dizem as más línguas).

Prometeu a si mesmo que levaria a beleza de África até Lisboa e assim deu o nome aos emblemáticos Cafés Negrita.

  • Palácio Maria Andrade

  • Twin/Double Bed

  • Tecto neoclássico em gesso

  • Vista Tram 28

1/5

Suite Sargento-Mor

 

Segundo a lenda, as primeiras plantas de café chegaram ao Brasil pelas mãos do Sargento-Mor Francisco Palheta a mando do Rei D. João V e do Governador Português no Brasil.

 

O Sargento-Mor foi enviado à Guiana Francesa com uma ordem secreta de esconder com “todo o disfarce e cautela” sementes de café locais para

levá-las até ao Brasil.

  • Palácio Maria Andrade

  • Vista Jardim

  • King size double bed

quarto
quarto

quarto
quarto

1/1

Suite Governador Francês*

 

O Governador francês que era o responsável por cuidar dos interesses franceses na região da Guiana Francesa tomou todas as providências para que o segredo do café permanecesse dentro da esfera de poder de França, não dando qualquer chance ao Sargento-Mor de cumprir a sua missão.

  • Palácio Maria Andrade

  • Double Bed

  • Varanda Vista Cidade

  • Vista Elétrico 28

1/3

Suite Madame D'Orvilliers

 

No entanto, a mulher do Governador Francês na Guiana Francesa, Madame Claude D'Orvilliers, um tanto apaixonada por Palheta, colocou discretamente “uma mão cheia” sementes de café num ramo de flores dadas a Francisco e destas saíram as primeiras plantações de café do Brasil.

  • Palácio Maria Andrade

  • Twin/Double Bed

  • Tectos trabalhados a gesso

  • Varanda

  • Vista Jardim

1/2

Suite Desembargador 

Entre 1760 e 1762, o Desembargador João Alberto Castelo Branco plantou no Rio de Janeiro algumas sementes de café provenientes das primeiras plantações do Pára. A partir daí, os cafetais foram derrubando o mato, abrindo estradas, fixando povoações e criando riquezas, explorando o solo virgem e rico em nutrientes, chegando até aos Estados de São Paulo e Minas Gerais.

  • Palácio Maria Andrade

  • Twin/Double Bed

  • Tectos neoclássicos trabalhados a gesso

  • Arco de madeira original do séc. XIX

  • Vista Jardim e Vista Cidade

1/2

Suite Senhor Pina

A história do Senhor Pina confunde-se com a história da Fábrica Negrita pois é ele o responsável por trazer as marcas Negrita e Carioca desde o tempo do Fidalgo Burguês até aos dias de hoje.

Falar com o Senhor Pina é abrir um livro antigo e dar vida à descrição queiroziana das pessoas que estiveram na origem da fábrica.

Todas as conversas são, antes de tudo, um privilégio e uma alegria imensa que nos fascinam a cada palavra.

  • Palácio Maria Andrade

  • Double Bed

  • Tectos neoclássicos trabalhados a gesso

  • Vista Cidade

  • Varanda

1/1

Suite do Escritor

Visita assídua dos palacetes, o Escritor escondia por detrás da sua luneta um olhar apaixonado e um sorriso tímido.

Dizia sempre que o jardim o inspirava, mas nós sabemos que era a presença da donzela que fazia a pena avançar sobre o papel. Encontre neste quarto um ambiente intimista e romântico que personifica o Escritor e a sua paixão platónica pela Donzela.

  • Palácio Maria Andrade

  • Double Bed

  • Parede de pedra original do séc. XIX

  • Vista Tram 28

* Na apresentação dos quartos ainda em reabilitação, foram utilizadas imagens de projecto.

** A maior parte das personagens correspondem a pessoas reais que fizeram parte da formação dos palacetes e/ou da história do café. No entanto, advertimos para o faco da descrição das personagens ser romantizada.

Café moído

Onde estamos

Rua Maria da Fonte, nº55 - Lisboa

 

galantevasques@gmail.com

Tel/Whatsapp: (+351) 935598876

Tel/Whatsapp: (+351) 914678555

Obrigado! Mensagem enviada.

 
  • Instagram - White Circle